A evolução da TV: da criação aos dias de hoje

Por  |  Comente

A televisão foi criada no final do século XIX e de lá até os dias de hoje evoluiu imensamente. Os primeiros passos para a sua invenção foram dados com a descoberta do selênio, elemento químico com a capacidade de conduzir a energia elétrica de acordo com a quantidade de luz que recebesse. Tal fato tornou possível a transmissão de imagens compostas por pontos de diferentes graus de luminosidade, a partir das correntes de eletricidade. Foi em 1884 que o jovem Gottlieb Nipkow idealizou o primeiro sistema televisivo.

A evolução da TV

Desde então os aparelhos televisores passaram por diversas transformações. De início eram grandes caixas com pequenas telas que exibiam imagens em preto e branco de baixa qualidade, porém com o tempo e sua crescente modernização, passaram a transmitir imagens coloridas em telas mais finas e maiores.

TV antiga

Foto antiga de uma família reunida para assistir tv

Atualmente, a partir da constante modernização das televisões, podemos encontrar as modernas Smart TVs – televisores que transmitem imagens de ótima qualidade e são conectados à internet. A modernidade do aparelho caiu no gosto da população brasileira e segundo a Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletrônicos) em 2013 a venda dos aparelhos teve um aumento de 140% (cerca de 9 milhões de unidades) em relação a 2012. O presidente da associação, Lourival Kiçula, afirma que em um futuro bem próximo, todas as TVs serão conectadas.

A cada dia o interesse pelas Smart TVs aumenta, já que além de oferecer qualidade de imagem, o proprietário de um televisor do tipo tem a possibilidade de acessar conteúdo diretamente da internet, a partir de aplicativos e navegadores, podendo assistir um programa, jogo ou filme acompanhando narrações e comentários, sem a necessidade de outro gadget, tendo em mãos diversos níveis de interação e conectividade.

Lembre-se que para aproveitar os recursos da sua Smart TV ela precisa estar conectada à internet através de conexão Wi-Fi ou via cabo.

Antes de adquirir uma Smart TV, leve em consideração dicas como:

  • Escolha um modelo de TV que já seja vendido com o adaptador de rede sem fio embutido;
  • Fique atento às opções de aplicativos oferecidos pelo modelo da televisão, pois alguns fabricantes restringem o usuário a utilizar apenas os programas oferecidos por eles;
  • Dê preferência a uma interface prática e intuitiva para evitar estresses com a sua nova televisão;
  • Verifique se a sua Smart TV é compatível com seu smartphone, tablete, blu-ray player, entre outros, já que ela pode ser integrada a outros dispositivos, através de fio, sem fio, USB ou outras conexões, assim você poderá compartilhar conteúdo, espelhar a tela da TV em um tablet ou celular e exibir arquivos armazenados em outros locais.
  • Para participar de conversas por vídeo, é preciso que a sua TV possua uma webcam integrada, alguns modelos também vêm com câmera, ou se é possível conectar uma webcam vendida separadamente, pois é a partir dela que são reconhecidos os controles de gestos.

Confira abaixo alguns modelos de Smart TVs:

modelos de Smart TVs

  1. Smart TV 3D LED LG 60” com conversor digital integrado
  2. Smart TV 3D LED 55” Philips com conversor digital integrado e Ambilight, tecnologia que faz com que a tela pareça maior
  3. Smart TV 3D LED Sony 55″ com Conversor Digital Integrado, Internet Vídeo e Sensor de Presença
  4. Smart TV LED Samsung 32” com Função Futebol, 3 HDMI, USB, Wireless

Modelos de Smart TV retirados da Lojas Taqi.

Ela tem 20 anos e cursa o quarto semestre de Letras na UFRGS. Se interessa por todo o tipo de assunto e acha que não existem algo chato ou difícil de abordar. Atualmente é bolsista de letras e está se especializando na área de revisão e redação. roberta.laurence@gmail.com.

Responder

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>