5 Plantas que vão bem dentro de casa

Por  |  1 Comentário

Ter plantas em casa, além de ser charmoso e elegante, traz harmonia e bem estar aos moradores. Veja 5 espécies que são verdadeiros amuletos para a energia da sua casa:


Chifre-de-veado. As folhas profusas do chifre-de-veado (Platycerium bifurcatum) criam um contraponto na decoração. COMO CUIDAR: cultivada em fibra de côco, esta espécie pede pouca água, que deve ser borrifada duas vezes por semana. Ela vai bem em ambientes internos desde que haja claridade. A cada seis meses, deixe-a uma temporada ao ar livre e adube.

Jade e Cactus. Sob a janela da sala, espécies inusitadas se confundem com objetos de coleção e obras de arte. É o caso da planta-jade (Crassula ovata) e dos cactos expostos sobre a mesa de canto. COMO CUIDAR: plantas suculentas, como estas, precisam de pouca água e manutenção. Apenas precisam de um local iluminado e ventilado. Regue apenas uma vez por semana e, sempre que possível, exponha ao sol direto.

Espada-de-são-jorge. Com fama de espantar mau-olhado, a espada-de-são-jorge (Sansevieria trifasciata) exposta neste cachepô de vidro de 10 mm de espessura, ganha um ar contemporâneo. COMO CUIDAR: cultivada à meia-sombra, a espécie não pode receber muita água. Regue no máximo uma vez por semana e leve para tomar sol direto todo mês.

Serissa. O arbusto asiático serissa (Serissa foetida) atinge 6 m de altura. Mas orientado como bonsai, pode medir somente 40 cm. Cultivada num vaso de cerâmica, a planta precisa ser regada todo dia e exposta ao sol por no mínimo duas horas. Adubos como farinha de osso e torta de mamona são os mais recomendados: aplique. COMO CUIDAR: a serissa adora calor a cada dois meses, alternadamente.

Aloe (1), Eufórbia (2) e Crássula (3).As plantas suculentas são charmosas e fáceis de manter. Os vasos têm argila expandida junto da terra e acabamento de cascas de árvore. COMO CUIDAR: Procure um local bem iluminado para as suculentas, carentes de sol e avessas a muita água. Regue somente uma vez por semana. Como elas ficam apenas úmidas, os cachepôs nem precisam ser vazados por baixo.

Vi aqui.

Catarinense de nascença e paulistana de coração, admiradora da arte e decoração. Design é a minha profissão e paixão. Cresci cercada de exuberante natureza, mas foi no meio de uma selva de pedra que encontrei a minha verdadeira vocação.

1 Comentário

  1. Angela

    26 de dezembro de 2010 at 3:56 PM

    Crássula (3): esta planta além de ser muito bonita e decorativa serve

    como medicamento; meu pai usava para dores em forma de cataplasma…

    Mas elas embelezam qualquer lugar…

Responder

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>