Elegância e versatilidade: vestidos midis e longos para todas as ocasiões

Modelos são capazes de se adequar a qualquer situação preservando o conforto, a feminilidade e dando toques de modernidade

De forma geral, os vestidos, além de serem sinônimo de praticidade, por serem peças únicas, também garantem feminilidade, sofisticação, sensualidade, conforto, elegância e versatilidade aos looks. 

Usados com saltos, rasteiras, tênis, botas, e é claro, sem esquecer dos acessórios, as peças se adaptam a todas as ocasiões e permitem várias combinações. Do trabalho ao passeio no parque, da festa ao cinema, dos eventos formais às propostas mais descontraídas, os vestidos são protagonistas das produções, já que abrem um grande leque de possibilidades. 

Para a consultora e sócia do Espaço Integrado de Moda do Shopping Estação Goiânia, Maristela Barbosa, com a saída do inverno e proximidade com a primavera, quando as temperaturas começam a aumentar, os vestidos saem do armário e se tornam ótimas opções para os dias de calor. “Fluídos, românticos, florais, justos, rendados, usados com sobreposição, com aplicações, as opções e modelagens são infinitas, além de agradar diversos gostos”, destaca. 

Midis

Vestido midi
“Queridinho”, o midi já se tornou o preferido das mulheres – Divulgação

Nem curto e nem longo. Normalmente, o comprimento do vestido midi começa abaixo do joelho e termina na canela. Apesar de ter uma pegada vintage, os vestidos midis conseguem trazer bastante modernidade para os looks, se usados em tecidos mais despojados e estampas menos clássicas. 

A consultora e sócia do Espaço Integrado de Moda do Shopping Estação Goiânia, Maristela Barbosa, destaca que midi é o comprimento do vestido, e não a modelagem, podendo ser usado em diversas padronagens. Ela afirma que o midi pode ser usado por mulheres altas e baixinhas, mas é importante se atentar para o comprimento da saia. 

“Esse é um comprimento muito versátil, mas o uso vai depender do modelo e do artigo, por exemplo, mas o interessante é sempre valorizar e equilibrar a silhueta. Para mulheres altas esse comprimento é super recomendável e não tem muitos pontos de atenção para equilibrar. Para mulheres baixinhas é recomendável que utilizem algum calçado que deixe o peito do pé à mostra. Para assim não diminuir sua estatura e, com isso, apresentar um corpo visualmente equilibrado. ”, afirma ela. 


A estilista também reforça a elegância do comprimento. “O comprimento midi é o mais elegante. Mesmo se o vestido for bastante sensual na parte de cima, em razão do comprimento, ele ganha um equilíbrio. Sem contar que é um comprimento atemporal, apesar das tendências, ele já se tornou um clássico e nunca vai sair de moda”, ressalta Maristela. 

Longos

Vestidos longos
Vestidos longos são versáteis e podem ser usados em qualquer situação – Divulgação

Há vários modelos de vestidos entre as tendências para ninguém reclamar. Mas entre os que vieram em 2020 e se firmaram em 2021, Maristela ressalta que estão os modelos mais largos, longos e confortáveis. Os chamados _breezy dress_ são aqueles modelos com duas ou três camadas franzidas na saia, conhecidas também por três-marias ou apenas por marias, se forem apenas uma ou duas. A palavra “breezy” em inglês quer dizer “com brisa, com vento”, ou “alegre, jovial”. O significado tem tudo a ver com o modelo leve e solto, que cria looks informais e despojados, de acordo com o tipo de acessório combinado.

Soltinho e amplo, o modelo que alia elegância e conforto, tem tudo a ver com o momento atual e pode ser encaixado perfeitamente no dia-a-dia. Segundo a proprietária da loja Lelilu, localizada no Shopping Estação Goiânia, Luanna Lúcia, os vestidos longos e soltos já se firmaram e não saem mais de moda. 

“Essas peças foram muito usadas inclusive no inverno, com meia-calça, bota e casaco. Agora, para a estação mais quente, a procura aumenta muito por esses vestidos com modelagem mais solta e confortável, em cores fortes e vibrantes, que transmitem essa sensação de leveza e frescor”, afirma ela. 

Ainda segundo Luanna, os vestidos longos e fluidos são a pedida do momento. “Os vestidos longos não saem mais das principais tendências. Eles só aparecem em novas roupagens, mas estão aí há muito tempo. Por serem peças muito versáteis, é possível usar em todas as estações do ano mudando apenas as composições, é um tipo de roupa que a gente sempre tem no armário e usa bastante”, completa ela.

Gosta de jardinagem e natureza?

Adoro Plantas no Instagram