Futebol no Brasil se adaptou às novas Tecnologias?

Nos últimos anos a evolução da tecnologia nos esportes, mas também um pouco por todos os setores da sociedade, fez com que os hábitos e comportamentos tivessem que ser adaptados. Quem se esquece do enorme impacto que o VAR teve nos resultados dos jogos de futebol no Brasil, bem como um pouco por todo o mundo esportivo?

Ora, são precisamente essas revoluções na tecnologia do futebol que iremos analisar em seguida. Até porque, com o ritmo frenético dos setores de tecnologia, o mais provável é que os próximos 10 anos continuem revolucionando o jeito de assistirmos aos jogos de nossos times favoritos.  

Experiência do torcedor nunca foi tão rica

Tendo em conta plataformas como a Sporting Beta, onde é possível assistir em tempo real às estatísticas de um jogo de futebol, a verdade é que o futebol nunca foi assistido com tanta informação atualizada ao vivo como agora. Isso faz com que a própria experiência dos torcedores seja totalmente diferente do que se verificava há poucos anos.

Atualmente, já é possível saber quantos arremates um determinado jogador conseguiu realizar. Ou até mesmo qual foi a distância percorrida por parte dos jogadores e o tempo de posse de bola que conseguiram manter. Esses dados acabam dando uma dimensão totalmente diferente, permitindo que os próprios torcedores tenham informações que apenas algumas equipes técnicas teriam acesso no passado.

Inclusão do VAR tem impacto direto nos resultados

Quando analisamos as diferentes tecnologias implementadas no futebol nos últimos anos, a que mais se destaca é, sem dúvida alguma, a entrada do VAR. Se trata de um juiz que, através das múltiplas câmeras de TV que terá acesso, poderá auxiliar em tempo real os juízes restantes que estão arbitrando dentro do gramado.

O objetivo dessa tecnologia, ainda muito criticada por torcedores, é que situações de impedimento ou até mesmo de faltas para cartão vermelho ou dentro das áreas não escapem mais aos juízes da partida. De uma forma geral, a utilização do VAR é para que, a uma taxa muito substancial, seja possível que as decisões deixem de ter erros graves ou que facilmente poderiam ser detectados.

Por exemplo, a “mão de Deus”, autoproclamada por Diego Maradona, jamais poderia ser validada através do sistema de tecnologia VAR. Apenas com uma repetição seria possível observar que o jogador argentino teria usado a mão para conseguir chegar mais rápido à bola e marcar o gol. Ou seja, a polêmica mais clara seria quase toda ela eliminada!

Tecnologia de linha de gol foi também revolucionária

Alguém se esquece de lances polêmicos como da Inglaterra na Copa 2010, onde a bola claramente passou a linha de gol, mas ela não foi contabilizada? Não restam dúvidas que essa tecnologia já estava sendo pedida há muitos anos, mas só muito recentemente é que as principais Entidades do futebol mundial, como é o caso da FIFA, acabaram investindo em sistemas que permitissem que os juízes jamais tivessem dúvidas acerca se uma bola entrou totalmente na linha de gol ou não.

Agora, através de um sistema de reconhecimento de espaço, a bola apresenta um sistema onde ela dá o sinal direto ao juiz da partida, informando que passou na totalidade a linha de gol. Ou seja, esse que era um dos erros graves mais comuns no futebol, praticamente se anulou com a perfeita utilização de tecnologia nos jogos de futebol.

No entanto, como realçado, deverá ser uma questão de tempo até que os jogos de futebol possam ir de encontro com as novas invenções e tecnologias desenvolvidas. Já imaginou o que seria ter um jogo com robôs, ao invés de juízes, eliminando ainda mais o erro? Poderá ser uma realidade para muito breve!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui