Curiosando

Curiosando


Brasileiros se destacam em jogos de eSports

Rodrigo PivaRodrigo Piva

Bem como o mercado de apostas esportivas brasileiro os eSports têm ganhado destaque no cenário nacional. Algumas equipes conquistaram posições importantes nos rankings mundiais e transmissões ao vivo na televisão paga ajudaram a fortalecer o interesse do Brasil nessa modalidade.

Em um breve resumo, eSports são jogos eletrônicos que oferecem competições onde jogadores individuais ou equipes podem se registrar e tentar ganhar o prêmio máximo. As premiações de algumas competições podem passar de 1 milhão de dólares, e existem equipes do Brasil que já ganharam mais de 700 mil em prêmios.

Como funcionam os torneios de eSports

Existem grandes empresas por trás dos torneios de eSports, as quais oferecem uma estrutura preparada para receber os atletas e contam com prêmios muito interessantes. A estrutura das competições é a mesma de qualquer campeonato, podendo ser de eliminação direta ou então por pontos.

Sites de apostas eSports oferecem transmissão ao vivo para essas competições, onde é possível acompanhar qual time está com maior chance de ganhar e o usuário pode até mesmo dar o seu palpite em uma partida. E isso não é ilegal, já que apostar em esportes pela internet não é algo proibido pelo governo brasileiro.

A equipe que tiver mais vitórias sairá como vencedora e quem fez apostas esporte no time que saiu vencedor, também poderá comemorar seu saldo com novos créditos. Mas é bom ter um breve conhecimento de cada jogo que faz parte dessa modalidade, a qual tem projeções incríveis de crescimento nos próximos anos.

Dota 2 e Counter-Strike entre os preferidos

Diversos tipos de jogos fazem parte da modalidade eSports. Quem pretende fazer uma aposta precisa saber que terá games como: Dota 2, Counter-Strike: Global Offensive, Overwatch, LoL, Hearthstone e muito mais. E cada jogo tem um torneio específico com premiações coletivas ou individuais, dependendo de como ele é jogado.

As regras dos torneios são muito similares a do jogo em si. Existem espaços físicos onde os jogadores poderão se enfrentar e, claro, não é possível ficar interferindo durante a partida dos atletas. Afinal, uma interferência pode ser considerada como passível de punição pela organização do evento.

E, como se todo esse cenário incrível não bastasse, os brasileiros estão sim presentes em grandes competições de eSports mundiais. Equipes como FURIA, por exemplo, fazem parte dos times que estão mais bem ranqueados em jogos eletrônicos e ganharam destaque ao longo dos últimos anos.

Tudo isso serve de base para entender como os eSports têm potencial no mercado brasileiro e que o Brasil tem ótimas chances de se tornar uma referência também nessa modalidade.

Paulistano, radicado em Santa Catarina, apaixonado por tecnologia e informação. Em 1993 começou a trabalhar com design e diagramação; é Webmaster do Curiosando desde 2008.

Ativar Notificações
Receber notificação de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários